Inicial > Filmes > Meninas Malvadas, uma guerra por garotos e status

Meninas Malvadas, uma guerra por garotos e status

Meninas Malvadas, mais um excelente trabalho de Lindsay Lohan, é uma comédia teen sobre colegiais brigando por meninos e status social. Uma comédia com direito a lição moral e risadas.

Cady Heron (Lindsay Lohan) é uma adolescente americana que foi criada na África, nunca foi à escola. De volta aos EUA, é hora de ela enfrentar o high school. Como sempre, a adaptação não é assim tão fácil, embora tenha feito de cara dois amigos considerados “diferentes” pela turma em geral, Damian (Daniel Franzese) e Janis (Lizzy Caplan).

Logo em seguida, conhecemos Regina George (brilhantemente interpretada por Rachel McAdams), a patricinha-mor do colégio, acompanhada sempre pela bisbilhoteira Gretchen (Lacey Chabertt) e a pamonha estereotipada Karen (Amanda Seyfried). O trio acaba recrutando Cady para participar da high society.

Se você acha que se apaixonar pelo ex da amiga não tem problema, não conhece Regina. Regina é, nas palavras de Damian “fabulosa, porém má”. A loira se coça quando Cady se mostra interessada por Aaron (Jonathan Bennett) e faz de tudo para atazanar a vida da garota. Com raiva, Cady pretende descobrir tudo sobre Regina e destroná-la, sem se dar conta de que está, ela mesmo, virando uma garota malvada.

Tina Fey arrasou em seu primeiro roteiro, com essa temática adolescente tão latente. O roteiro é baseado num best-seller de Rosalind Wiseman, Queen Bees & Wannabes, que fala sobre o poder das panelinhas no colégio. Excelente filme com atuações muito interessantes.

Ficha Técnica

Título: Meninas Malvadas (Mean Girls)
Diretor: Mark Waters
Ano: 2004
Gênero: Comédia
Duração: 97 minutos

Curiosidade: Em 2010 foi anunciada a sequência de Meninas Malvadas (Mean Girls 2), com Meaghan Martin (a patricinha Bianca em 10 Coisas que eu Odeio em Você) e a brasileira Maiara Walsh (a Sarah de The Vampire Diaries). O filme será baseado no livro Queen Bee Moms and King Pin Dads da escritora Rosalind Wiseman, embora não haja direção e roteiro de Mark Waters e Tina Fey.

Você também pode gostar de:

Ela é a Poderosa
Sorte no Amor
Top 10 – Dicas de filmes de patricinhas
Top 10 – Dicas de filmes para uma festa do pijama

  1. 19/04/2011 às 14:16

    Já vi esse filme acho que umas sete vezes, haha!
    Lindsay (L)

  2. 19/04/2011 às 15:00

    Eu acho trilegal também. A Rachel McAdams é uma ótima patricinha-mor.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: