Inicial > Filmes > X-Men: Primeira Classe

X-Men: Primeira Classe


Pensa numa pessoa que foi ao cinema sem muita expectativa. Então, era eu. Depois de uma série de imagens e pôsteres mal feitos deste novo filme, eu fui perdendo a vontade da coisa.

MAAAAS, eis que aqui estou eu, hoje, falando que gostaria de deixar registrado meu profundo respeito por esta obra de Matthew Vaughn. Charles Xavier (James McAvoy) e Erik Lehnsherr (Michael Fassbender) são dois personagens que merecem todo o cuidado para aparecer nas telas. A Primeira Classe, a qual o título do filme se refere é justamente a primeira turma de mutantes que achavam que estavam sozinhos no mundo. Xavier e Erik eram apenas dois jovens descobrindo e aperfeiçoando seus poderes, cada um a seu modo.

O filme gira em torno do debate sobre aceitação: tanto da parte da sociedade para com os mutantes, quanto deles para eles mesmos. Mística é o ponto alto dessa questão: envergonhada de sua aparência azul natural, a garota vive se escondendo sob a pele da belíssima Jennifer Lawrence. Mas, como observa Erik em determinado momento, ela gasta metade do seu potencial para ser alguém que não é.

X-Men: Primeira Classe lida com essa busca pela aceitação de maneira incomparável. A tela é toda de Erik Lehnsher, o Magneto. Michael Fassbender interpreta o mutante motivado pela dor e ódio presente em seu passado. Erik quer vingar a morte de sua mãe, ocasionada por um capricho de Sebastian Shaw – Kevin Bacon engomadinho, um arraso. Você não adora “vilões” com motivos?

Em contrapartida, Charles Xavier é sensacional, engraçado, extremamente inteligente, dedicado e charmoso, um verdadeiro otimista que acredita na convivência pacífica entre humanos e mutantes. O carisma do personagem e a confiança que ele passa em tela renderiam a James McAvoy mais do que palmas.

A jovialidade da primeira classe dá o tom de humor que o filme precisa para buscar o público mais novo. Mesmo contando a história de Xavier, Magneto e Mística, ainda sobra tempo para exibir outros personagens. Os mais aficcionados vão gostar de Emma Frost (January Jones), Fera (Nicholas Hoult), Azazel (Jason Flemyng), Angel (Zoë Kravitz), Darwin (Edi Gathegi), Banshee (Caleb Landry Jones) e Havok (Lucas Till), irmão do Scott Summers. Além disso, o público vai ter a oportunidade de vislumbrar a origem do Cérebro e da Sala de Perigo. E que origem!

Se eu não tinha expectativa nenhuma sobre esse filme, arrisco a dizer que é o melhor de todos os X-Men que fizeram até hoje. Vai lá pro cinema.

Ficha Técnica

Título: X-Men: Primeira Classe (X-Men: First Class)
Diretor: Matthew Vaughn
Ano: 2011
Gênero: Ação
Duração: 132 minutos

  1. 21/06/2011 às 09:20

    já tava com vontade, agora estou com mais vontade…
    :)

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: