Arquivo

Posts Tagged ‘Will Gluck’

“Amizade Colorida”, bobo e despretensioso

Jamie e Dylan conversando no parqueAmizade Colorida é mais um daqueles filmes em que nenhum dos personagens quer se apaixonar de verdade, mas acabam gostando um do outro. Ele contribui para as comédias desse tipo, embora não se aproxime de um “Amor e Outras Drogas”.

A primeira cena do filme é bem editada e mostra Jamie (Mila Kunis) e Dylan (Justin Timberlake) no telefone, aparentemente falando um com o outro, mas na realidade estão terminando com seus respectivos parceiros. Caminho livre para os dois, que não querem mais se machucar no grande e sinuoso caminho do amor.

Jamie é uma talentosa caçadora de talentos que encontra em Dylan (responsável por um blog em LA com inúmeros acessos) um criativo potencial para o cargo aberto da revista GK, em Nova York. Convencido a se mudar para NY, os dois constroem uma amizade sólida baseada em humor e muita sinceridade.

Jamie e Dylan conversando na casa de Jamie

Diálogos afiados contornam a trama, evidenciando a personalidade do casal. Inicialmente amigos, o relacionamento dos dois demora a se estabelecer, já que ambos passam por situações com outros parceiros antes de entenderem que se pertencem. Alguns pontos são bem clichês, mas o filme parece querer brincar com isso, algo que fica claro nas críticas que Jamie faz as comédias românticas que ela mesma assiste.

Amizade Colorida é bobo e livre de pretensões, com o intuito de mostrar que o amor não é só química, é companheirismo também. Mila Kunis e Justin Timberlake fazem um par divertido, mas ela rouba a cena como protagonista.

Ficha Técnica

Título: Amizade Colorida (Friends with Benefits)
Ano: 2011
Diretor: Will Gluck
Gênero: Comédia Romântica
Duração: 110 minutos.

Você também pode gostar de:

Qual é o seu número?
Armações do Amor
Top 10 – Dicas de filmes para uma festa do pijama

A Mentira: humor refinado e referências bem encaixadas

21/07/2011 1 comentário

Então foi assim: eu tenho um Tumblr. E algum tempo atrás começaram a pipocar stills da Emma Stone por lá, como este, mas eu não sabia do que se tratava. Conforme surgiam e surgiam aumentava meu interesse, até que resolvi sair do campo da curiosidade e pesquisar. Era a comédia A mentira. Corri pra ver e não me arrependi nem um pouco, mesmo com a minha desconfiança com comédias.

A mentira conta a história de Olive, uma menina comum – tão comum que se considera invisível – na época de colégio. Até que a sua invisibilidade dá lugar a fama quando ouvem no banheiro uma mentirinha contada para a sua melhor amiga: que havia perdido a virgindade em um encontro. Em pouco tempo todos do colégio são informados do fato e a mentira que deu fama a Olive acaba levando a mais e mais e mais outras mentiras, até chegarem a um ponto crítico.

O diferencial desse filme são basicamente dois pontos: o humor mais refinado, sarcástico, rápido, e a quantidade enorme de referências bacanas – literárias, musicais, cinematográficas. Apesar da história não ser exatamente extraordinária, o filme te prende e diverte sem grandes esforços, algo ótimo para aqueles dias em que você só precisa relaxar um pouco – dá até pra esquecer o detalhe de que uma pessoa com a beleza da Emma Stone dificilmente seja despercebida nesse mundo, talvez a maior falha da história. Além disso, há participações de gente do mundo das séries, como Lisa Kudrow (a eterna Phoebe de Friends), Penn Badgley (o Dan Humphrey de Gossip Girl), Dan Byrd (o Travis Cobb de Cougar Town) e Amanda Bynes (a Holly Tyler de Coisas que Odeio em Você). Sem contar que a Emma Stone foi indicada ao Globo de Ouro pela atuação e a trilha sonora é uma saladona que vai de Pussycat Dolls a Death Cab for Cutie.

Ufa, já tá bom né? Mas se ainda não consegui te convencer, ou se quiser saber um pouquinho mais da história, aí vai o trailer:

Ficha técnica
Título: A Mentira (Easy A)
Diretor: Will Gluck
Ano: 2010
Gênero: Comédia
Duração: 92 minutos

Você também pode gostar de:

Amor a Toda Prova
Zumbilândia
Top 10 – Dicas de filmes para uma festa do pijama

%d blogueiros gostam disto: